Pedaço de mim, de Evandro Calafange de Andrade

Pedaço de mim
Evandro Calafange de Andrade

Falta um pedaço de você em mim
Não sei o que é ou quando o perdi,
Mas sinto a ausência
Talvez a enxurrada o levou,
Talvez a insolação o matou.

Quem sabe, simplesmente, desistiu,
Ficou cansado da espera,
Ficou enfadonha a minha voz.
Penso que foi a junção,
A fusão do ontem, hoje e do amanhã
Que te levou da morada do meu coração,
Pedaço de mim.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA CRÍTICA DO DOCUMENTÁRIO - MILTON SANTOS: POR UMA OUTRA GLOBALIZAÇÃO

O PROTAGONISMO E A PARTICIPAÇÃO INFANTIL NO CONTEXTO ESCOLAR

Rodrigo Marim ou Biel?