Celebridades - Maria da Graça XUXA Meneghel.

Terça, 21 de Junho de 2011 - 14h16
Pela primeira vez, Xuxa cogita pôr fim na carreira

Quando aterrissou com sua nave nos estúdios da TV Globo em 30 de junho de 1986, a apresentadora Xuxa, então com 23 anos, esbanjou felicidade e mandou um ''beijo especial'' aos adultos que torceram para que ela estivesse ali um dia.
 Mas, na terça-feira (7), quando chegou depois do horário ao Projac para gravar o especial de seus 25 anos na emissora, Maria da Graça Meneghel, 48, não disfarçou que, naquele momento, a felicidade dava lugar à tristeza. O atraso se deu em razão da hospitalização, horas antes, de sua maior fã e incentivadora.
A mãe, dona Alda Meneghel, 68, foi socorrida e internada em um dos quartos do Hospital Barra D'Or, na zona oeste do Rio. A saúde de dona Alda, que sofre de mal de Parkinson há dez anos e tem quadro diagnosticado de diabetes, piorou consideravelmente nos últimos meses.
Ela já não mastiga bem por causa do Parkinson e o diabetes a deixa mais suscetível a adquirir infecções, de acordo com o médico da família, João Pantoja, 47, que constatou quadro de pneumonia naquela manhã.
''Ela estava com gripe recente, mais frágil. Quando chegou ao hospital teve logo a glicose controlada e começou a tomar antibiótico. Dei alta, mas ela ainda precisou de sete dias de tratamento em casa'', diz. Uma semana depois, novo susto.
Após sentir fortes dores de cabeça, o irmão da apresentadora, o psicólogo Cirano Rojabaglia Meneghel, 54, foi internado, também às pressas, e passou por cirurgia para desobstruir a veia aorta, após sofrer uma trombose.
Ponto final?
Os cuidados com a mãe e os problemas de saúde do irmão parecem ter reforçado ainda mais o desejo da apresentadora de pôr um ponto final na carreira, que teve início aos 16 anos, quando começou a atuar como modelo. Em razão da piora em seu quadro de saúde, dona Alda se mudou de Orlando, nos Estados Unidos, onde morava sozinha, para a mansão da filha, na Barra, zona oeste do Rio, há cinco meses.
Em 2000, no especial de Dia das  Mães do programa Mais Você, de Ana Maria Braga, 62, mãee filha falaram de carência mútua e do desejo de ficarem mais próximas. ''Eu gostaria de me sentir mais presente'', disse dona Alda na ocasião. Recentemente, Xuxa insinuou o desejo de encerrar a carreira. Workaholic assumida, assim ela teria, então, mais tempo para estar junto da mãe.
Em 12 de maio, declarou, em entrevista ao vivo a Susana Gimenez, no canal Telefé, da Argentina, que não quer envelhecer diante das câmeras. ''Trabalhamos com isso. É normal que a idade deixe marcas, mas as pessoas cobram muito isso de mim. Eu não gosto de fazer plástica. Só troquei a prótese  de silicone por uma melhor. Quando ficar velha, vou viver no mato'', disse.
Amigos na dor
Durante a gravação das bodas de prata na Globo, a apresentadora não desviou o pensamento da mãe, a quem sempre fez questão de ter por perto na alegria e na tristeza. ''Dona Alda é o xodó dela. Boa filha, parceira, cuida o tempo todo... Saber que sua joia está doentinha é muito duro. Mas ela é guerreira assim como Aldinha, e tudo correrá bem'', declarou Ivete Sangalo, 39, uma das melhores amigas da apresentadora, que esteve no programa e, mais tarde, visitou dona Alda no hospital - onde Xuxa pernoitou, ao lado da mãe, por três dias.
A presença de muitos amigos no estúdio deixou a apresentadora ainda mais à flor da pele e comoveu todos ali presentes. ''Ela já estava emocionada e, por consequência, todos ficamos. Sabíamos o que tinha acontecido, mas isso não foi citado ali. Nosso carinho por ela e pela mãe foi demonstrado nos bastidores e ficamos preocupados, torcendo pela recuperação'', afirmou o cantor Daniel, 42. ''Sempre fui fã e hoje temos uma relação de amizade muito bonita. Mesmo não estando sempre juntos, temos uma sintonia grande. Gostamos um do outro.''
O cantor Victor, 35, da dupla Victor & Leo, ressaltou a força da amiga para lidar com a situação. ''Não apenas ela, mas todos que participaram estavam em clima de profunda emoção. Entre as incontáveis qualidades da Xuxa, a que mais me chama atenção é o respeito e a preocupação que ela tem com o ser humano.'' Apesar da dor, Xuxa retribuiu o carinho da plateia. Abraçou fãs e, no fim da gravação, até voltou a sorrir na hora da já tradicional guerra de tortas. ''Xuxa tem uma luz muito forte. É muito difícil imaginá-la fora da TV'', declarou Saulo Fernandes, 33, vocalista da Banda Eva.
O vocalista Douglas Fernando Monteiro, 32, do grupo Pixote, que participou do programa, ficou surpreso com a possibilidade de Xuxa deixar a TV. ''Se tiver de fazer campanha para ela não parar nunca, eu faço!'' Do Projac, Xuxa ainda seguiu para a gravação da campanha do Movimento Carinho de Verdade, que luta contra a exploração sexual infantil, da qual ela é madrinha desde 2008.
Dia a dia
A rotina da apresentadora  mudou pouco nos últimos dias. Sempre recatada, na terça-feira (14), ela cumpriu seu papel de mãe e, apesar de triste, comemorou a vitória por 3 sets a 0 do time da filha, Sasha, 12, o Flamengo, na partida de vôlei contra o Vasco, no Ginásio de São Januário, zona norte do Rio. Ali, recebeu o carinho do ex-namorado - e pai de Sasha -, Luciano Szafir, 42, se acomodando em seu ombro. Os dois conversaram muito e, em certos momentos, Xuxa pareceu distante, com os olhos marejados.
A solidão também incomoda a apresentadora. Sem assumir compromissos publicamente desde o fim do relacionamento com Szafir, a apresentadora disse, em entrevista ao programa argentino em maio, que gosta de liberdade e acha difícil arranjar um namorado que entenda a sua vida tão exposta. ''Acho que não vou funcionar mais com mais ninguém. Até poderia ter alguém, mas não gostaria de vê-lo todo dia'', confessou, afirmando que só teve três amores em sua vida: Pelé, 70, Ayrton Senna (morto em 1994) e Szafir. ''Gosto de cada um de uma forma diferente. O Ayrton tinha uma força e uma determinação, que me encantam até hoje. Eu até brincava dizendo: Como pode um mesmo homem ter tudo o que eu gosto?''
Entenda o que ocorre com dona Alda
Dona Alda foi diagnosticada com mal de Parkinson em 2001. A doença é degenerativa, não tem cura, mas o tratamento contínuo faz com que os sintomas sejam amenizados. Segundo o médico João Pantoja, o mal foi uma das causas da pneumonia diagnosticada na terça-feira (7). ''Ela tem problema para engolir e pode acabar broncoaspirando algum germe ou bactéria da boca ou da garganta, que normalmente vivem quietos por lá'', explicou o médico. O neurologista Henrique Ferraz diz que os sintomas são agravados pelo tempo da doença. ''Depois de dez anos, os sintomas se agravam muito. É comum a perda do equilíbrio, tremores, lentidão de movimentos e tendência à depressão'', ressalta.
A cirurgia do irmão
Irmão de Xuxa, Cirano Rojabaglia Meneghel começou a sentir fortes dores no peito e na cabeça no domingo (12), durante a festa de aniversário da filha caçula, Nicole, 6. Ele também é pai de Paloma, 19, e Pedro, 21. Após ser internado no Hospital Copa D'Or, a pedido da irmã, ele passou por uma microcirurgia para tratar de trombose na veia aorta (a maior e mais importante artéria do corpo) e permaneceu em observação no Centro de Tratamento Intensivo. Na quarta-feira (15), Cirano foi transferido para o quarto e recebeu o pai, Luiz Floriano Meneghel, 79. Xuxa falou  com o irmão por telefone. Na sexta-feira (17), Cirano recebeu alta médica.
25 anos de TV Globo
Após três anos no comando do Clube da Criança, na extinta TV Manchete, Xuxa foi contratada pela TV Globo em 1986, onde estreou com o programa Xou da Xuxa. À época ganhou o título Rainha dos Baixinhos e apresentou mais de 2 mil programas, durante seis anos e sete meses.  Em 1989, estreou o Bobeou, Dançou, que era exibido no início das tardes de domingo. Em 1991, Xuxa protagonizou o especial humorístico Xuper Star. Em seguida apresentou Xuxa Park (1994), Xuxa Hits (1995) e Planeta Xuxa (1997).
 Em 2002 esteve à frente de Xuxa no Mundo da Imaginação. Finalmente em 2005, passou a apresentar o TV Xuxa, com atrações musicais e entrevistas. O especial de seus 25 anos na Globo vai ao ar em 2 de julho.
abril.com

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA CRÍTICA DO DOCUMENTÁRIO - MILTON SANTOS: POR UMA OUTRA GLOBALIZAÇÃO

Ator Global de "Além do Horizonte" se assumiu mesmo?

O PROTAGONISMO E A PARTICIPAÇÃO INFANTIL NO CONTEXTO ESCOLAR