Final de Passíone


















O final de Passíone por Evandro Calafange


Os mistérios de Passíone, novela das nove da Rede Globo chega ou fim nesta sexta-feira 14 de janeiro de 2011. E um desses são o assassinato de Saulo Goveia e Eugênio Gouveia. Como o autor Silvio de Abreu sempre afirma que a pista está no primeiro capítulo, vamos lá para o desfecho desta história.

No primeiro capítulo Saulo Gouveia já nutria um ódio mortal pelo pai Eugênio Gouveia e Clara trabalhava para a família Gouveia como Técnica de Enfermagem. Antes da morte do Eugênio, Saulo dá um telefonema misterioso do Guarujá onde está com a família.

Eugênio passa mal e Clara telefona "supostamente" para o médico como Dona Bete Gouveia ordena. Quem sabe se foi mesmo para pedir socorro? Ela dá um comprimido para o enfermo, dizendo que foi recomendado pelo médico do Eugênio.

No momento da revelação sobre o filho falecido de Bete, Clara não demonstra nenhuma surpresa. Ou seja, a moça já devia saber de tudo. E como estava aliada a Saulo, o primogênito rebelde, assassina-o.

Saulo mantia um romance com Laura que é irmã de Artuzinho e amiga do bandido / cantor que na realidade é policial Diogo. Que por sua vez sabia de toda a trama planejada por Clara e Saulo revelada por Laura.

A família Gouveia é alertada através de cartas anônimas que Eugênio não havia morrido de um enfarte e sim foi assassinado. Clara e o cúmplice Fred Lobato, arco-inimigo dos Gouveia são os principais suspeitos do assassinato.

Logo surge um novo assassinato, o do Saulo Gouveia. Ele supostamente foi assassinado por Clara para que ninguém ficasse sabendo que ela era a verdadeira assassina do Eugênio Gouveia.

Mas, o motivo maior de matar Saulo foi para que os planos da loira bandida não fossem prejudicados. O assassinato de Totó. Clara queria mesmo era ser uma viúva milionária do imbecil marido italiano.

Então, aparece o Diogo que por sua vez passa investigar Clara, o que já foi revelado na imprensa. Ficando amigo de Olga que foi presa por uma armação da Loira bandida. Passando ter um romance com a bandida, o Policial disfarçado de bandido / cantor arma com o Totó, marido traído e repudiado pela esposa assassina.

Parecia que o plano da loira bandida estava correndo tudo como planejado. Aí vem a surpresa maior. O Totó passou a perna e enganou a esposa farsante. Ele planejou com o policial Diogo a própria morte e assim colocar a amada pela segunda vez na prisão.

Outro mistério é: Quem está por traz dos planos de Fred Lobato? Na dinâmica da trama tudo indica que Fred também está aliado com o Policial Diogo, assim como Laura e Arturzinho. Mas, qual seria o motivo? Induzir a Clara a planejar tudo contra Totó para ficar milionária e dessa maneira produzir indícios que ela é realmente a verdadeira assassina de Eugênio Gouveia e de Saulo Gouveia no decorrer da trama dos seus planos maquiavélicos.

Se eu estou certo eu não sei. É só assistir os desfecho da trama de Silvio de Abreu nessa semana e conferir se estou ou não. Se eu pelo menos estou no caminho certo ou passei muito longe de desvendar todos os mistérios de Passíone.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA CRÍTICA DO DOCUMENTÁRIO - MILTON SANTOS: POR UMA OUTRA GLOBALIZAÇÃO

Ator Global de "Além do Horizonte" se assumiu mesmo?

O PROTAGONISMO E A PARTICIPAÇÃO INFANTIL NO CONTEXTO ESCOLAR