My life.

Querendo encontrar um caminho para trilhar. 
Um caminho que me leve a algum lugar.
Querendo encontrar a razão das emoções de uma vida andante. 
Estradas que nos levam a algum lugar, 
que nos faz pensar, 
refletir sobre ser o que somos ou o que desejamos ser.
Sentido a brisa do amar nos guiando para o horizonte de uma amanhã sem cor ou colorida por demais.
Às vezes me pegunto quem sou ou que faço para ser. 
O que busco sem saber o que buscar. 
São meus conflitos que me tormentam. 
São os desejos que me acalentam. 
São os invazíveis que preenche os vázios de uma alma em plantos, sem lágrimas, num olhar para nenhum lugar.
Tentando me encontrar, acabo perdendo mais que ganhando o que não sei o que é. 
O desconhecido que quero conhecer. 
O que conheço é desconhecido em minhas entranhas que não sei o que deveras ser.
Só perguntas, que os caminhos me guiam para lá e para cá. 
Até encontrar o que quero pegar. 
Até saber que sonhar é a razão de realizar. 
Até ter certeza que desejar é chegar além do horizonte. Só ou com alguém!


Atenciosamente:
Evandro Calafange.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA CRÍTICA DO DOCUMENTÁRIO - MILTON SANTOS: POR UMA OUTRA GLOBALIZAÇÃO

Ator Global de "Além do Horizonte" se assumiu mesmo?

O PROTAGONISMO E A PARTICIPAÇÃO INFANTIL NO CONTEXTO ESCOLAR